bot edicoes toopo - bot entrevistas - bot contato topo

Site Diario Bahia 728x100

Polícia

Política

Diário de notícias

Cidades

Esporte

Versão Digital

24 04 2015

Edições anteriores >>>

Cigarro causa mais câncer em mulheres, mostra estudo

Da Agência Brasil

cigarro
Uma pesquisa feita por cientistas noruegueses sugere que mulheres fumantes têm mais risco de desenvolver câncer de intestino que homens fumantes. Os pesquisadores, da Universidade de Tromso, analisaram os registros médicos de 600 mil pacientes e concluíram que a incidência da doença é duas vezes maior entre mulheres que fumam.

O risco de desenvolver a doença mostrou-se especialmente alto entre mulheres que começaram a fumar aos 16 anos ou mais jovens e aquelas que fumaram durante décadas. No período analisado, cerca de 4 mil pacientes tiveram câncer no intestino.

O estudo, divulgado na publicação especializada Cancer Epidemiology Biomarkers & Prevention, mostra que as mulheres fumantes têm 19% mais risco de desenvolver esse tipo de câncer que as não fumantes, enquanto entre os homens o cigarro aumenta esse risco em 9%.

Segundo os cientistas noruegueses, este é o primeiro estudo a mostrar que até mulheres que fumam menos que homens têm um risco maior de desenvolver câncer no intestino grosso - um indicativo de que elas seriam mais vulneráveis aos efeitos tóxicos do cigarro. Os cientistas observaram que a pesquisa não conseguiu levar em conta outros fatores que poderiam afetar a incidência da doença, como o consumo de álcool e a dieta dos pacientes.

PrintEmail

Diário de notícias

Variedades

Mundo Estranho

Por Manuela Berbert

Por Ramiro Aquino

Por Betânia Macedo